Decorando a casa para os pets

Oi gente, tudo beleza?

Hoje vamos falar sobre esses pequenos seres que deixam nossos corações cada vez mais apaixonados por eles…nossos pets!

Quem tem um bichinho de estimação em casa sabe que a alegria e o amor condicional estão garantidos, mas muitas vezes, por conta dos filhos de quatro patas a decoração, organização e até a higiene da casa ficam em segundo plano.

Está pensando em trazer um novo animalzinho para dentro de casa? Não se esqueça de pensar em alguns detalhes para o morador recente. Você precisa separar um espaço especial para ele, com área de descanso, um lugar para deixar tigelas de ração e água e também para as necessidades.

Para te ajudar a conciliar o pet e a sua casa digna de uma capa de revista, separamos algumas dicas de decoração adaptada para os animais domésticos, bora lá?!

1 – Dormindo no quarto

Se você é daqueles que não dispensa a companhia do melhor amigo nem na hora de dormir saiba que não precisa dividir a cama pra manter o seu companheiro confortável. Se for o caso, considere transferir a caminha do pet pra dentro do quarto ou mesmo adapte um dos seus móveis em uma casinha especial. Dá pra transformar uma escrivaninha, um caixote de madeira e até um criado mudo na cama nova do seu bichinho.

 

2 – Conservando seus móveis

Para garantir que seu sofá sobreviva às patinhas peludas preste atenção ao tecido do revestimento do móvel. De uma maneira geral os tecidos lisos como sarja, vinil, chenile e lona são boas opções que vão ajudar na hora da limpeza e de retirar todo o pelo que caiu do seu amigo.

Para que os pés das suas mesas e cadeiras também sobrevivam, é importante que você dê alternativas para o seu pet, brinquedos de morder para os cachorros e arranhadores para os gatos podem salvar algumas das suas peças de mobília.

Ótimas ideias de móveis para os pets

apet4apet1apet7

3- A segurança é prioridade

Instalar telas de proteção em todas as janelas, varandas e semelhantes é de extrema importância, principalmente para casas com gatos, que costumam ter um espírito de aventura maior. Não só donos de apartamentos como também casas com mais de um andar devem estar atentos a esse detalhe.

Procure também fechar e proteger todos os possíveis caminhos de fuga, isso evita com que seu bichinho saia de casa sem segurança. Hoje, muitas Ongs de proteção animal não realizam a adoção dos seus animais se a casa do futuro dono não passar na questão segurança.

4- Não se desfaça dos seus tapetes ainda

Sim, os animais adoram se esfregar e arranhar tapetes de qualquer estilo, mas isso não significa que você precise se desfazer de todas essas peças na sua sala. Se seu bichinho estiver tosado, ele não vai soltar tantos pelos. Além disso, o tapete costuma ser local favorito para as necessidades por absorver o líquido rapidamente, condição especial principalmente para os cães, por este motivo não se esqueça de tentar ensinar e disponibilizar um tapetinho higiênico para eles.

5- Casa divertida para eles

Tudo bem, talvez esse seja um comprometimento muito grande para você, mas saiba que seus gatos podem se divertir e brincar muito dentro de casa. É só instalar algumas prateleiras de diferentes alturas e fazer um minicircuito de atividades para eles. Escadas, túneis e caminhos que passam sobre as portas vão deixar seus bichanos mais ativos e a sua parede cheia de personalidade.

Super legais essa ideias não?! Além do que, nossos “filhotes” merecem um carinho todo especial.

Grande beijo nos peludos…

Carol.